Alexandre Cardoso anuncia nome do secretário de Saúde


O prefeito eleito de Duque de Caxias, Alexandre Cardoso, anunciou nesta sexta-feira (9/11) os dois primeiros nomes que irão integrar seu secretariado.

Alexandre Cardoso

Alexandre Cardoso / Foto: Arquivo

O cardiologista Camillo Junqueira, ficará a frente da Secretaria Municipal de Saúde, tendo como secretário- adjunto Sílvio Roberto da Costa Júnior.

Mineiro de Pouso Alto, Camillo Junqueira, tem 47 anos, é cardiologista, mestre em Cardiologia pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Especialista em Cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), Doutorando em Ciências Médicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) com MBA em Gestão de Saúde pela Coppea/UFRJ e professor de Cardiologia da Unigrario. Atualmente estava a frente da direção do Hospital Mário Lioni, em Duque de Caxias.

O secretário- adjunto, Sílvio Roberto da Costa Júnior, 40 anos, é médico geriatra, servidor da Prefeitura Municipal de Duque de Caxias há 12 anos, foi diretor do Posto de Saúde de Saracuruna por dois anos e depois diretor de Pacientes Internos do Hospital Moacyr do Carmo, tem curso de MBA em Gestão de Saúde pela Fiocruz.

O futuro secretário de Saúde do município tem entre suas metas trazer sua experiência da iniciativa privada para a administração pública, através de metas e desempenho. “Faremos uma administração moderna e alinhada a proposta de campanha do prefeito eleito Alexandre Cardoso, que é o de levar para a população um sistema que atenda as necessidades dos usuários, visando à prevenção, a assistência básica através do Programa Saúde da Família (PSF) e melhorar a qualidade no atendimento dos Postos de Saúde, além de implantarmos as unidades 24 horas em locais com mais de 50 mil habitantes”, explica.

“Seguindo as diretrizes do programa de governo, vamos reabrir o Hospital Duque de Caxias, que funcionará como uma unidade de pronto-atendimento, enquanto o Hospital Municipal Moacyr do Carmo será transformado em hospital universitário funcionarndo para internações e, no futuro, em uma unidade de atendimento de alta complexidade. Pretendemos também trazer para o município programas do governo federal como o Projeto Cegonha”, concluiu.


Publicidade


 

Siga CaxiasDigital no Twitter

Related Posts with Thumbnails