Idosos vítimas de violência terão atenção especial na Baixada


Técnicos e assistentes sociais de cinco municípios da Baixada Fluminense estão sendo capacitados na Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos de Duque de Caxias (SMASDH) para trabalhar no atendimento a idosos vítimas de violência, o primeiro do Brasil do gênero.

O secretário Airton Lopes ao lado do professor Roberto Dias

O secretário Airton Lopes ao lado do professor Roberto Dias

A capacitação, que termina na quarta-feira, 27 de outubro, é coordenada pelo Governo do Estado, através da Superintendência de Políticas para a Pessoa Idosa, da Secretaria de Estado de Assistência Social e Direitos Humanos (SEASDH). A proposta é formar 30 técnicos, que trabalharão no Centro Integrado de Combate à Violência Contra a Pessoa Idosa (CICVCPI), que será inaugurado dia 25 de novembro, em Belford Roxo.

O trabalho será realizado em consórcio, reunindo os municípios de Duque de Caixas, São João de Meriti, Belford Roxo, Mesquita e Nova Iguaçu, que participam do projeto. Ele é uma parceria entre o Estado e o Governo Federal. A iniciativa surgiu depois da constatação, pelo Governo do Rio de Janeiro, de que 80% das agressões e maus-tratos a idosos ocorrem na Baixada Fluminense. A partir daí foi elaborado um projeto de criação do consórcio, que foi encaminhado e aprovado pelo Governo Federal.

Airton Lopes fez questão de assistir ao início da capacitação

Airton Lopes fez questão de assistir ao início da capacitação

Segundo o coordenador da capacitação, professor Roberto Soares Dias, o atendimento ficará concentrado no CICVCPI, em Belford Roxo, mas a triagem inicial deverá ser feita pelos municípios participantes, através dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS). “A partir das avaliações, constatados os maus-tratos, a vítima deverá ser encaminhada para o CICVCPI, onde receberá apoio e tratamento”, observou Dias. O secretário de Assistência Social, Airton Lopes da Silva, prestigiou o início da capacitação e assistiu a uma parte do trabalho. “É uma iniciativa que contempla todas as cidades que formam o consórcio, fazendo com que todos nós sejamos vencedores”, destacou o secretário.

Cada representante municipal fez uma explanação sobre o trabalho desenvolvido em sua cidade. A representante de Duque de Caxias, coordenadora da Política Municipal da Pessoa Idosa, Débora Maria Santos, lembrou que a luta pela organização do projeto já dura quase dois anos. Ela destacou, também, que este sistema de consórcio voltado para a pessoa idosa é o primeiro do Brasil. “Temos, em Duque de Caxias, uma população que ultrapassa os 800 mil habitantes, dos quais cerca de 70 mil são idosos. Só conseguiremos resultados, trabalhando de forma integrada com as secretarias de Saúde e Assistência de nossos municípios”, observou Débora.

Uma segunda etapa do trabalho, voltada para a rede socioassistencial, também voltada para os cinco municípios, será promovida nos dias 28 e 29, na Faculdade Flama, no bairro Centenário, no horário das 9h às 17h. A expectativa é de que 150 profissionais de assistência social participem desta capacitação. Em novembro, dia 25, os governos estadual e federal inauguram, em Belford Roxo, a sede do Centro Integrado de Combate à Violência Contra a Pessoa Idosa, que vai concentrar todo o trabalho de apoio e atendimento aos idosos vítimas dos cinco municípios.

Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos
Secretário Municipal Aírton Lopes da Silva
Av. Brigadeiro Lima e Silva, 1618 – 25 de Agosto – Duque de Caxias -cep 25.071-182
Tel 2672-6650 – ramal 290 – 7864-4905 – ito@duquedecaxias.rj.gov.br – ito_lopes@ hotmail.com

Texto: Nelson Soares

Fotos: Carlos Henrique PSE

Fonte: Pref. de Duque de Caxias

Siga CaxiasDigital no Twitter

Related Posts with Thumbnails

Um Comentário em “Idosos vítimas de violência terão atenção especial na Baixada”

  • maria escrito em 23 maio, 2011, 10:18

    Preciso saber como participar dessa iniciativa importante , que só agora tomei conhecimento. Não tenho nenhum curso finalizado. Mas gostaria de trabalhar como voluntária ativa nessa causa. Aguardo outras informações. Obrigada.